27.11.12

Deus Inefável



Tentei te expressar com adjetivos mas não os achei suficientes para tamanha grandeza. Investiguei em todos os idiomas para te exprimir mas ainda assim não bastaram nem alcançaram tua beleza. Tentei te medir com a imensidão do céu e o infinito do mar contudo não atingiram tuas medidas. Busquei no horizonte inspiração para te surpreender mas lembrei que toda inspiração vem de ti e antes que me venham as palavras tu já sabes.

Nem se usasse todos os recursos da ciência chegaria a exatidão de quem tu és porque teus pesamentos são maiores que os meus e a tua loucura é mais sábia do que a minha sensatez.

Percebi que dizer que és grande é máximo de entendimento que posso chegar para dizer o mínimo que és. Do crente ao ateu, do gentio ao judeu ninguém explica Deus

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Layout exclusivo do blog - Pensamentos Soltos | Feito por: Alice Grunewald | Tecnologia do Blogger | Cópia total ou parcial é proíbida ©